“Crianças e a Música”

Luis Fernando Dutra fala sobre a época de sua meninice e traz dicas de evento para os pais curtirem com o seus filhos na Semana da Criança.

10/10/2018 | 10:00
Última atualização: 09/10/2018 | 16:04

Foto: Divulgação

Quem acompanhou todas as postagens da coluna PiraMusical pode perceber que fiz uma grande retrospectiva de muitos momentos da minha vida, e claro, em todos eles a música esteve presente. Mas ainda não escrevi nada sobre a minha fase “antes da música”, o que não quer dizer que ela não estava presente.

Minha relação com a música começou muito antes de eu começar os estudos de instrumento ou participar de grupos musicais. Durante a minha infância não tínhamos muito hábito de ouvir os saudosos discos de vinil, que voltaram com força total recentemente. A trilha sonora em nossa casa era proveniente do rádio AM ou ao vivo, quando alunos de piano ou flauta doce iam fazer aulas em casa. Mas também  íamos em apresentações na Escola de Música de Piracicaba, ou nas Praças em que a Banda União Operária tocava, em concertos que aconteciam na Catedral,  principalmente na época do Natal. Enfim, a música nos fazia sair de casa e aproveitávamos tudo o que a cidade nos proporcionava em termos de cultura.

Infelizmente, com todo o conforto que a tecnologia oferece, poucas pessoas hoje se permitem  ouvir a música ao vivo. Preferem ouvir música somente por meios digitais, com aparelhos super modernos que possibilitam um áudio com a máxima pureza e perfeição. Mas, toda essa tecnologia consegue no máximo repetir muitas e muitas vezes um mesmo áudio. As gravações são importantes por serem  registro de um momento vivido pelo artista, nos permitem conhecer músicas que quase não são tocadas ao vivo e para os estudantes servem de importante referência na questão de estilo e interpretação ( mas nunca devem ser ouvidas com a intenção de copiar interpretação ). O mundo digital afastou as pessoas do contato mais humano. Os concertos ou shows musicais devem ser vistos como momentos únicos,  nos quais os artistas estão se dedicando ao máximo para emocionar o público, levando-os muitas vezes a relembrar momentos e locais que estão na memória. Mas ao invés desta emoção, o público se preocupa mais em gravar tudo no celular ou tablet, para talvez depois, algum dia assistir aquilo que já passou. O agora está sempre sendo deixado para o futuro…

Estamos na semana em que se comemora o Dia das Crianças e há poucas semanas atrás eu postei em meu Instagram uma foto em que aparecem vários instrumentos musicais e no texto eu escrevi que instrumentos são ótimos presentes para as crianças, pois além de não usarem pilha, não transformam a criança num “ser passivo” que só fica olhando o brinquedo fazendo tudo por ela. Um instrumento e as aulas de música podem  trazer inúmeros benefícios, tais como: melhoria na coordenação motora, concentração, raciocínio, responsabilidade, sociabilidade, desenvolve a sensibilidade auditiva, equilíbrio emocional e muitas outras coisas que acompanharão aquela criança pela vida toda, fazendo com que ela seja um ser humano diferenciado.

Mas como fazer uma criança se interessar por um instrumento musical, que muitas vezes chegou no seu máximo desenvolvimento no século XVIII contra os poderosos aparelhos eletrônicos que fazem de tudo somente com um toque na tela ? Uma boa forma é saindo de casa para programações diferenciadas com toda a família, de preferência sem celular ou outros aparelhos que tenham conexão com internet. Tudo bem, leva o celular para tirar algumas fotos mas deixa a rede de dados ou wifi desligados. Em Piracicaba temos muitas opções de atividades culturais nas suas mais variadas formas:  shows, teatros, exposições, saraus e concertos e na grande maioria deles, com entrada gratuita. Pode ser que no início as crianças menores não aguentem ficar por muito tempo, e neste caso deve-se respeitar o tempo delas não insistindo na permanência no local, principalmente se for apresentação musical, na qual os choros e reclamações podem atrapalhar os músicos e também o público. Aos poucos elas vão se acostumando e tenho certeza que passarão a gostar muito dessas programações. Uma forma ainda melhor é leva-las em atividades que são destinadas ao público infantil e aqui já encerro o meu texto deixando duas dicas de apresentações muitos legais, pensadas para as crianças de todas as idades.

No dia 12 de Outubro, o grupo Ternamente Eclético, que é formado pela pianista Cecília Bellato, o contrabaixista convidado Walter Valentini e o violinista Luis Fernando ( que sou eu ), apresentarão um espetáculo chamado “A Infância em todas as épocas”. Serão apresentados vários temas de desenhos animados e também dos musicais  Os Saltimbancos e Arca de Noé, que serão interpretados pelas cantoras convidadas Bebé Salvego e Wana Narval.  Tenho certeza que as crianças com idade mais avançada se emocionarão muito juntamente com as crianças mais novinhas. Este espetáculo será no Auditório do Sesc Piracicaba em dois horários, às 15h e também às 17h. A entrada é gratuita e os convites começam a ser distribuídos com 1 hora de antecedência.

O outro espetáculo é o ABC do DoReMi, com os músicos da Orquestra Sinfônica de Piracicaba. Ele foi criado pelo Maestro Jamil Maluf e com a parceria da Secretaria Municipal de Educação, é apresentado todos os meses para as crianças da rede municipal de ensino. Mas como é o mês das crianças, a orquestra fará uma apresentação extra para o publico. Sobre este espetáculo escreverei mais na próxima semana, mas já anotem na agenda, dia 25 de Outubro, às 20h no Teatro Erotides de Campos, no Engenho Central.

Se quiser um momento para ouvir boa música e recuperar energias para enfrentar a semana, acompanhe o programa “Opus 105,9”, todos os Domingos, das 20 às 21:30h pela Rádio Educativa FM de Piracicaba – 105,9 e o programa “Clássicos ao Cair da Noite”, todos os Domingos, das 21 às 22h pela Rádio Educadora AM de Piracicaba – 1060.

Luis Fernando F. Dutra

Luis Fernando F. Dutra

Luís Fernando F. Dutra é violinista, professor e maestro | Whatsapp : (19)99816-0509 | E-mail : luisfernandofischerdutra@gmail.com | Facebook : www.facebook.com/profile.php?id=100011059385474

PIRADIGITAL © 2017 Todos os direitos reservados