Sócio do XV é destaque em corridas de rua com sua companheira Luna

Dupla participou de 28 corridas e soma 800 quilômetros percorridos.

13/11/2018 | 09:00
Última atualização: 12/11/2018 | 16:52

Foto: Dayanne Arthur (XV de Piracicaba)

Há quase cinco anos, o sócio do XV de Piracicaba, Edmilson Reame, decidiu entrar no programa Corredores de Aço, criado na empresa em que trabalha, e mudar seu estilo de vida. Reame, no entanto, sentiu que precisava de um companheiro para treinos e corridas. Foi aí que a cadela Luna, da raça Border Collie, apareceu em sua vida, a partir da indicação do amigo, o veterinário Pedro Justolin. Desde então, já são 28 corridas e 800 km percorridos pela dupla.

A última delas foi neste domingo, 11, na sexta edição da Corrida do Alvinegro, que foi especial para ambos. Pela primeira vez, Luna, que veste a linha pet do XV, foi devidamente inscrita e contou com número e chip na prova, o que possibilitou o registro do tempo percorrido nos 5km: 31m57s, a sua melhor marca, segundo o seu tutor, justamente no evento produzido por seu clube do coração. De forma inédita também, a cadela recebeu sua medalha, ou melhor, Reame ficou com o item, pois, segundo o mesmo, elas sempre foram destinadas à sua fiel parceira.

Reame correu uma vez sozinho e outras três com a Luna na já tradicional Corrida do Alvinegro, que é organizada pela Chelso Sports e contou com sua sexta edição. “Durante esses anos, participamos de diversas provas, mas, sinceramente, a melhor que tem em Piracicaba é esta. O trajeto é bom, saímos de dentro do estádio (Barão da Serra Negra), o que é muito legal, o clima é bacana, com várias pessoas que não moram na cidade e os comentários que ouço são sempre positivos com relação à organização”, disse.

Atualmente, Reame e Luna, que está com dois anos e dez meses de idade, são conhecidos e reverenciados nas corridas, mas nem sempre foi assim. “No início, eu recebia alguns xingamentos, pois as pessoas acreditavam que eu estava judiando dela. Com o passar do tempo, fomos ficando conhecidos e hoje todos sabem dos cuidados que são tomados, começando com a alimentação, que é especial para cães que praticam atividades físicas. Há a hidratação durante as provas, com água e petiscos, e a precaução com relação aos horários dos treinos, evitando uma exposição ao forte calor”, contou.

Outra prudência adotada pelo corredor é sair após todos largarem, para, segundo ele, não atrapalhar ninguém. A afinidade entre os dois é tanta que Reame eternizou a imagem do rosto da sua parceira no corpo. “Eu sempre quis fazer uma tatuagem, entretanto não tinha um motivo para isso. Foi então que a Luna surgiu em nossas vidas. Ela é a nossa caçulinha (Reame é casado e pai de um casal)”, externou o atleta, que tem o objetivo de entrar para o Guinness Book.

“Estou levantando toda a documentação para entrar no RankBrasil (único sistema de homologação de recordes exclusivamente brasileiro). Que eu saiba, a Luna é a única cachorra que corre com roupa de time. Seria algo muito importante para nós e para o XV. Até por conta disso, foi essencial essa inscrição na Corrida do Alvinegro. Essa é uma forma de registro oficial da participação dela e tudo deve ser devidamente comprovado”, explicou.

Reame não esquece das pessoas que o auxiliam para que ele e Luna possam atingir suas metas, casos do doutor Justolin, citado anteriormente; da doutora veterinária Luciana Trevisan Justolin, irmã de Pedro; do adestrador Moisés, da Strong Dog; e do chargista oficial do XV de Piracicaba, Luis Marangoni, que desenvolveu uma arte de divulgação com a marca “Luna Running Dog”, que pode ser acompanhada em sua conta no Instagram. Desta forma, a parceria segue forte e pronta para os próximos desafios.

Piracicaba Digital

PIRADIGITAL © 2017 Todos os direitos reservados