Primeira Jornada sobre Aprendizagem e Autismo recebe inscrições até 8 de agosto

Evento acontece na sede da OAB na sexta-feira (10) e no sábado (11).

06/08/2018 | 13:38
Última atualização: 06/08/2018 | 15:51

A Primeira Jornada sobre Aprendizagem e Autismo TEA ( Transtorno do Espectro Autista) de Piracicaba (SP) recebe inscrições até a próxima quarta-feira (8 de agosto). O evento, que acontece nos dias 10 e 11 de agosto, tem como objetivo trazer conhecimento, informação, capacitação, além de técnicas específicas e atuais sobre o tema. Para abordar o assunto, o encontro terá a presença de profissionais especialistas em  TEA e nos Transtornos do Desenvolvimento. A inciativa ocorre na sede da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), localizada na Avenida Independência, número 3.347.

Na sexta-feira (10) as atividades acontecem das 19h às 22h e, no sábado (11), das 9h às 17h. A jornada tem custo de R$ 240 para o público geral e os interessados em participar devem realizar depósito da quantia (banco: Bradesco, agência: 7829-8, conta corrente: 0020517-6, em nome de: Debora Chacur) ou enviar e-mail para educachacur@gmail.com.

A inscrição é feita por meio do envio do comprovante de depósito e os dados pessoais (nome completo, telefone, profissão e e-mail) para este mesmo endereço até a data limite.

Os servidores públicos, instituições que atuam em Saúde/Educação, grupos de 5 ou 10 pessoas, estudantes e pais de pessoas com TEA têm desconto na participação. Para os pais e estudantes o preço é R$ 180. Já os grupos de 10 pessoas terão custo de R$ 190 e os de cinco R$ 210. Os servidores públicos e instituições pagam R$ 220.

Palestrantes
Mestre em educação (Novas Tecnologias) pela Unirio, a professora Claudia Nunes ministra a palestra “Cérebro, princípio para aprendizagem em rede na escola “. A docente é especialista em psicopedagogia, neurociência pedagógica, tecnologia educacional e em docência do ensino superior pela AVM Faculdades Integradas e possui graduação em letras pela Universidade Veiga de Almeida (UVA). Além disso, atua nas áreas ligadas a Língua Portuguesa, Literatura e Produção Textual. É professora também da pós-graduação presencial da AVM nos cursos de Psicomotricidade e Psicopedagogia e palestrante nas áreas de formação. A docente possui ainda, publicações em diferentes mídias impressas e virtuais e participa do livro Que cérebro é esse que chegou à escola? (WAK).

Maria Paula Raphael (AVM – RJ)
Graduada em Fonoaudióloga pela UVA (Universidade Veiga de Almeida), Psicomotricista, Sociopsicomotricista e Socioterapeuta, além de docente e Supervisora na formação em Sociopsicomotricidade Ramain-Thiers, membro da Comissão Científica (CESIR-Núcleo Ramain). Membro do atendimento clínico no Projeto Viva Mais do Hospital do Andaraí como fonoaudióloga e Spiral Taping. Docente dos cursos de pós-gaduação em Psicopedagogia, Psicomotricidade e Educação Especial e Inclusiva pela AVM Faculdade Integrada coautora de livros psicomotricidade, palestrante e conferencista. A docente irá ministrar a palestra ” TEA: um olhar preventivo diante dos estágios do desenvolvimento da linguagem “.

Fabrício Cardoso (Censupeg – RJ)
Doutorando em Ciências Biológicas (Biofísica) pela UFRJ, Mestre em Ciência da Motricidade Humana pela UCB, graduado em Educação Física pela UCB. Membro de corpo editorial “Ciências & Cognição” (UFRJ), Membro da Comissão Científica do Associação Brasileira de Psicomotricidade (ABP). Professor da pós-graduação em Dificuldades da Aprendizagem (UERJ). Atualmente é coordenador do grupo de Pesquisa em Sociedade, Saúde e Educação da Faculdade São Fidelis (CENSUPEG). Palestra: Funções Executivas e Desenvolvimento motor e as relações do aluno Neurotípico, TEA e TDHA.

Emanoele de Freitas (APAA – RJ)
Especialista em mediação de NEE (necessidades educacionais especializadas), autora do livro MEDIADOR ESCOLAR – Recriando a arte de ensinar pela Editora WAK, Presidente e Fundadora da AAPA (Associação de Apoio à Pessoa Autista) e do COMUDE (Conselho Municipal dos Direitos da Pessoa com Deficiência de Nova Iguaçu), Membro da Comissão dos direitos dos Autistas da ALERJ (Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro) Palestrante com artigos publicados em revistas e pesquisas científicas no Brasil. Mãe do Eros, 13 anos, autista, Asfagico Congênito e TOD ( transtorno opositivo desafiador). Palestra: “Mediação Escolar e Currículo Adaptado: real objetivo para aprendizagem ”

Paulo Liberalesso (Curitiba/PR) Doutor em Distúrbios da Comunicação, Mestre em Neurociências e Neuropediatra.
Graduado em MEDICINA, Residência médica em PEDIATRIA e Residência médica em NEUROPEDIATRIA pelo Hospital Pequeno Príncipe, Curitiba, PR, Brasil. Pós-graduação em EPILEPTOLOGIA pela Universidade Federal de São Paulo. Mestrado em NEUROCIÊNCIAS pela Universidade Federal de São Paulo. Doutorado em DISTÚRBIOS DA COMUNICAÇÃO pela Universidade Tuiuti do Paraná. Supervisor do Programa de Residência Médica em NEUROPEDIATRIA (Nível R3 / R4) do Hospital Pequeno Príncipe.

Médico do Departamento de Neurologia Pediátrica e do Serviço de Neurofisiologia / Eletrencefalografia / Vídeo-EEG do Hospital Pequeno Príncipe. Presidente do Departamento de Neurologia da Sociedade Paranaense de Pediatria. Presidente do Departamento de Residências Médicas da Sociedade Paranaense de Pediatria (2010-2012). Membro Efetivo do Departamento de Neurologia da Sociedade Brasileira de Pediatria. Palestra: ” Neurobiologia do Transtorno do Espectro do Autismo (TEA)”

 Cahuê Talarico (OAB /Santos) Mestre em Direito, Graduado em Direito e Presidente da CDPCD.
Mestre em Direitos Difusos e Coletivos pela Universidade Metropolitana de Santos (2015). Pós-graduado, lato sensu, com docência, pela Universidade do Sul de Santa Catarina (2009). Graduado em Direito pela Universidade Metropolitana de Santos (2002) Professor na graduação da União das Instituições Educacionais de São Paulo (UNIESP). Professor na graduação e pós-graduação na Universidade Paulista (UNIP). Professor em Cursos Preparatórios para Concursos Públicos e Exame da OAB. Advogado militante. Presidente da Comissão de Direitos da Pessoa com Deficiência (CDPCD da OAB/ Santos). Palestra: “Direitos da Pessoa com TEA – saúde e educação”.

Além das atividades, também estão programados sorteios de livros, revistas, materiais oferecidos pelos apoiadores do evento. O ciclo terá aproximadamente 12h de palestra e os inscritos terão certificação de participação.

Jornada
A Primeira Jornada sobre Aprendizagem e Autismo de Piracicaba (SP) é uma iniciativa da Chacur & Chacur em parceria o escritório de marketing Guga Fleury, que também responsável por um canal informativo sobre TEA, a AUTIBRASIL.  A Jornada surgiu após um ano de negociações e conta com o apoio e parceria da OAB Piracicaba, além de instituições (que atendem pessoas com TEA) da região.

A “ I Jornada ” já aconteceu na Baixada Santista, cidade de Santos (SP), em Rio Claro (SP) e tem sua terceira edição em Piracicaba (SP). A proposta, segundo os organizadores, é continuar levando o evento até outras regiões em parceria com Grupos de Pais, Instituições e Ativistas da causa, com custos viáveis e qualidade.

Organização
A Chacur & Chacur Educação e Diversidade foi idealizada por Ana Paula Chacur (mãe de duas crianças com Autismo), hoje gestora e atuante nos seguimentos de Informação, Capacitação, Projetos e Políticas Públicas voltadas ao TEA (Transtorno do Espectro Autista).

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Arlete Moraes

Jornalista | PIRADIGITAL | arlete@piradigital.com.br

PIRADIGITAL © 2017 Todos os direitos reservados