Aplicativo de transporte exclusivo para mulheres chega a Piracicaba

“Bora Elas” chega para oferecer mais segurança e promover a independência financeira das mulheres

24/06/2019 | 11:10
Última atualização: 24/06/2019 | 11:10

Foto: Banco de imagens (Pixabay)

A partir deste mês, as piracicabanas que buscam uma opção de transporte compartilhado, de mulheres para mulheres, e as que procuram uma ferramenta de trabalho que ofereça independência, flexibilidade e retorno financeiro, podem contar com um novo serviço de transporte. O aplicativo “Bora Elas” chega à cidade na próxima sexta-feira (28 de junho), com o intuito de oferecer mais segurança no transporte compartilhado e promover a independência financeira das mulheres que trabalham como motoristas.

Para utilizar o aplicativo, basta fazer o download pelo smartphone, das plataformas Android ou IOS, e criar uma conta. Depois do cadastro, o funcionamento é semelhante aos demais aplicativos. A cliente, então, pode pedir uma motorista ou agendar uma corrida. A cobrança é feita por cartão de crédito, débito ou dinheiro, sempre com a estimativa de preço informada pelo app.

O aplicativo foi trazido para Piracicaba pelos sócios Paulo Rodrigues e Alexandre Rodrigues. De acordo com Paulo Rodrigues, foram desenvolvidas novas funcionalidades para levar mais segurança às mulheres. “Além do serviço de rota compartilhada o aplicativo possui o botão SOS, que estará disponível desde o lançamento da plataforma”, afirma.

Geração de renda
Paulo explica ainda que o aplicativo também oferece uma boa oportunidade de geração de renda, com horário flexível, para mulheres de 20 a 65 anos, que gostam de dirigir. As regras para ser uma motorista “Bora Elas” são: ter EAR na carteira de motorista, carro com ano acima de 2008, ar-condicionado, quatro portas e estar em bom estado. “Depois da aprovação dos documentos, é obrigatória a participação do treinamento da empresa”, afirma Paulo.

Em grandes capitais como São Paulo, Belo Horizonte, Rio de Janeiro, Recife, Fortaleza, Manaus, alguns aplicativos de transporte só para mulheres têm grande aceitação. O motivo do sucesso é o mesmo: os recorrentes relatos de assédio e outros tipos de violência contra a mulher nesse mercado, tanto com as clientes quanto com as motoristas. A meta é estar, em um prazo de até seis meses, em pelo menos quatro estados trabalhando com o serviço.

Serviço
Aplicativo “Bora Elas”, para transporte compartilhado de mulheres para mulheres
Lançamento em Piracicaba na sexta (28 de junho)
Mais informações podem ser obtidas no site www.borarelas.com.br (em construção) ou pelas redes sociais: fb.com/boraelas e @boraelas.

 

Piracicaba Digital

PIRADIGITAL © 2017 Todos os direitos reservados